Na salsa encontra-se o cruzamento das fragrâncias de anis, limão e erva fresca, resultando daí o seu sabor enérgico e apimentado.

UTILIZAÇÃO CULINÁRIA
Infusões. Pratos de aves, peixe e carnes, omeletas, arroz, recheios, sopas, saladas e molhos.
Descubra aqui as nossas receitas!

PROPRIEDADES TERAPÊUTICAS
A salsa, conhecida principalmente pelo seu efeito diurético, é muito usada em casos de hipertensão. Previne ainda a produção de gases, alivia os edemas e ajuda a eliminar cálculos renais.
Atenua os sintomas da bronquite e asma; é um precioso emoliente das dores menstruais.

RECOMENDAÇÕES
Grávidas, lactentes e crianças devem procurar aconselhamento médico.

CARACTERÍSTICAS GERAIS
Nome: Salsa (Petroselinum crispum Mill.)
Parte da planta utilizada: Folhas e caules

CARACTERÍSTICAS FISICO-QUÍMICAS
Sabor: O cruzamento das suas fragrâncias de anis, limão e erva fresca, resulta no sabor enérgico e apimentado que tão bem a caracteriza.
Aparência: Folhas e caules verdes claras.

Peso0,19 kg